03 outubro 2014

[Resenha] Caçadores de Tesouros - James Patterson

Sinopse - Os pais de Bick Kidd são caçadores de tesouros mundialmente famosos, que desapareceram misteriosamente. Agora, Bick e os seus irmãos Beck,Tommy e Tempestade precisam cumprir a última grande missão de seu pai e sua mãe. Mas a vida dos garotos corre perigo agora que eles estão sozinhos no meio do oceano. Junte-se a esta aventura, na mais perigosa e divertida caçada da sua vida! 











"Caçadores de Tesouro" é outra série assinada pelo James Patterson que é voltada para o público jovem. É necessário ter isso em mente, pois é um história bem light e cheia de tramas mirabolantes.

É a bordo de "Perdido" o barco da família Kidd que vamos acompanhar Bick e Beck, os gêmeos de doze anos de idade, Tommy e Tempestade. Seus famosos pais desaparecem em uma exploração e cabe aos garotos, que passaram a vida inteira em alto mar, encontrá-los e descobrir o que aconteceu.


- Sabendo ou não, Bickford, o Thomas Kidd que eu conheço nunca abandonaria a esperança de encontrar o que ele consideraria o pacote mais importante da Terra, não é? (p. 214)


Com uma narrativa rápida e de fácil entendimento, ilustrações fofas e uma história cativante, James Patterson mais uma vez agrada aos leitores com uma divertida trama que ao mesmo tempo diverte e emociona.


"... naquela noite, nós tentamos esquecer que Tempestade simplesmente havia arruinado nossa vida, e fizemos um esforço para amá-la novamente." (p. 128)


O grande problema no livro foi a adaptação na tradução. Talvez por causa do público alvo, tentaram deixar por exemplo, o time de futebol, mais conhecido pelos leitores e traduziram como Palmeiras rs. Apesar de ser algo bobo, ao mesmo tempo é algo importante, pois ao tirar as origens, a história se perde um pouco.

0 comentários:

Postar um comentário

Ficamos muito felizes quando você comenta e nos faz saber no que erramos e acertamos. Comente! Isso é muito importante.

 
| Floreios e Borrões | Copyright © 2014 | Código by Ipietoon | Design Marcelle Dantas |