19 junho 2014

[Resenha] O Começo de Tudo - Robyn Schneider


Sinopse - O garoto de ouro Ezra Faulkner acredita que todo mundo tem uma tragédia esperando ali na esquina – um encontro fatal depois do qual tudo o que realmente importa vai acontecer. Sua tragédia particular esperou até que ele estivesse preparado para perder tudo de uma vez: em uma noite espetacular, um motorista imprudente acabou com a perna de Ezra, com sua carreira no esporte e com sua vida social. Depois que perdeu o favoritismo ao posto de rei do baile, Ezra agora almoça na mesa dos losers, onde conhece Cassidy Thorpe. Cassidy é diferente de qualquer pessoa que Ezra tenha encontrado antes – melancólica e com uma inteligência mordaz. Juntos, Ezra e Cassidy descobrem flash mobs, tesouros enterrados e um poodle que talvez seja a reencarnação do Grande Gatsby. À medida que Ezra mergulha nos novos estudos, nas novas amizades e no novo amor, aprende que algumas pessoas, assim como os livros, são difíceis de interpretar. Agora, ele precisa considerar: se uma tragédia já o atingiu, o que poderá acontecer se houver mais infortúnios? O Começo de Tudo é um livro poético, inteligente e de cortar o coração sobre a dificuldade de ser o que as pessoas esperam, e sobre começos que podem nascer de finais trágicos.

"O Começo de tudo" é um livro que engana o leitor. A começar pela capa que não chama muito a atenção, ele passa despercebido e esse é o grande engano: o livro é simplesmente fantástico!

Ezra é o garoto invejado da escola. Ele é popular, tem a namorada mais sexy da escola e a sua vida não poderia ser melhor. Até o momento em que um acidente acaba culminando no encerramento de sua carreira de atleta. A partir desse instante ele percebe quem são os verdadeiros amigos e quem estava sempre o "apoiando" pelo seu status social. 

A queda de popular para rejeitado é grande, mas nem tudo está perdido. É no grupo dos não populares que ele conhece Cassidy, uma garota que tem uma visão real da vida, aquela visão de quem já teve sua cota de problemas o suficiente para lidar. 

Apesar do acidente de Ezra não ser o foco central, ele é o início e o fim da jornada. O leitor precisa entender todos os fatos para conhecer melhor Ezra e Cassidy.

Divertido, inteligente, fofo. É assim que a trama deve ser definida.

Como um bom livro que foca em adolescentes, temos personagens carismáticos, megeras, idiotas e um romance inesperado.

Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um bom trabalho.

"Ficamos ali, olhando um para o outro com frieza. O castelo estava atrás dela, como um foto de uma noite que tínhamos compartilhado há milhares de anos duas semanas antes". (p. 210)

4 comentários:

  1. Aii eu gosto da capa, viu? Ela me chama bastante atenção. Estou louca para ler esse livro...amo! E saber que você curtiu me deixa ainda mais interessada!
    Bloody Kisses
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  2. Pois é, concordo com a Paloma, essa capa é muito lindona. A história é fofa mesmo, acho esses livros infanto-juvenis maravilhosos, passam mensagens importantes e a realidade de vida das crianças e adolescentes. Adoro.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Opa, vou concordar que a capa é uma graça, adorei!
    Não tinha lido/ouvido nada sobre esse livro ainda, mas parece ser uma história bem legal. Gosto dessa coisa de "cair" do topo e redescobrir a vida!
    Beijos:*

    ResponderExcluir
  4. Oiee ^^
    Já tinha ficado curiosa para ler o livro desde que o vi em lançamento, mas essa foi a primeira resenha que eu li dele. Fiquei ainda mais curiosa
    A capa é bem bonita :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Ficamos muito felizes quando você comenta e nos faz saber no que erramos e acertamos. Comente! Isso é muito importante.

 
| Floreios e Borrões | Copyright © 2014 | Código by Ipietoon | Design Marcelle Dantas |