26 junho 2014

[Entrevista] Kátia Navarro - uma das autoras de "Nada Será Como Antes"

Hoje temos entrevista com a querida escritora Kátia Navarro, espero que gostem! :)



1- Quem é Kátia Navarro?

Uma pessoa que ama ler e contar histórias; Uma pessoa divertida e apaixonada, que se doa completamente em tudo o que faz. Esposa dedicada, mãe atenciosa e uma escritora que busca despertar paixões avassaladoras e ódios extremos com suas obras.



2- Quando você descobriu que queria ser escritora?

Eu sempre amei ler e criar histórias, mais nunca passou pela minha cabeça escrever um livro, não por falta de interesse, mas por falta de oportunidade. E essa oportunidade surgiu quando eu comecei a criar histórias para um jogo de interpretação e a cada narrativa eu me encantava com a reação das pessoas ao ouvirem as minhas histórias, então um dia eu pensei; porque não passar tudo para o papel? e percebi que assim minhas historias alcançariam muitas outras pessoas.


3- Você já tem alguns contos em livros, qual a sensação de ser selecionada para ter seus textos publicados? 

Eu tenho dois contos publicados.E a reação de ter um conto publicado é maravilhosa, não tem preço saber que minhas histórias chegarão em varias casas.

4- Para você, quais são os melhores autores nacionais da atualidade? Você se identifica com a escrita deles?
São tantos autores e de vários gêneros, que se eu começasse a citar seus nomes não pararia mais posso dizer que sim, eu me identifico com a escrita de alguns, mas tenho certeza que ainda tenho muito para aprender.

5- O que você acha dos e-books?

Uma alternativa bem ecológica, prática e de fácil acesso.

6- Fale um pouco dos seus projetos literários, há algum livro solo já escrito ou pretende escrever algum?

Há um livro sim, em fase de conclusão, esse não é solo, escrevo em parceria. Mas já existe um outro projeto em andamento, no qual o seu prefácio foi o meu primeiro conto publicado.  

7- Como funciona o seu processo de escrita, você tem algum ritual antes de começar a escrever uma história?

Pequenas coisas podem despertar o processo criativo, as vezes uma musica, uma paisagem, uma imagem. mas quando essas coisas não surgem de forma natural, ai é preciso um estímulo. Quando eu sento para escrever, eu acendo uns incensos, pois eu amo incluir aromas no meu processo criativo e uma boa trilha sonora. As vezes cenas inteiras fluem através de uma musica.

8- O mercado editorial brasileiro crescer a cada dia, principalmente com relação a literatura nacional, você acha que é complicado conseguir espaço nesse mercado? Por quê? 

Sinceramente, eu espero que não. Como meu primeiro livro esta em fase final, eu ainda não entrei em contato com editoras, mas espero que quando isso ocorrer, que a resposta seja positiva.

9- Qual dica você da para os jovens que querem começar a escrever?

Leiam, estudem e escrevam. Uma vez um escritor amigo meu me disse que o segredo de um bom texto é uma boa leitura. Mas principalmente não desistam.

10- Deixe um recado para seus leitores.

Obrigada por permitirem que minhas histórias façam parte de suas vidas. porque não há nada mais gratificante que o encantamento no rosto de uma pessoa após ler a sua história. É como se eu fizesse parte de suas vidas e eles da minha.

Kátia também tem um conto na coletânea "Nada Será Como Antes"

1 comentários:

  1. Adoro essas entrevistas aqui do seu blog Alef. Não conhecia a autora. Me interessei pelo livro. Parabéns.
    Beijos
    Viviane

    http://vivianeblood.blogspot.com.br/2014/06/resenha-querida-sue-jessica-brockmole.html#comment-form

    ResponderExcluir

Ficamos muito felizes quando você comenta e nos faz saber no que erramos e acertamos. Comente! Isso é muito importante.

 
| Floreios e Borrões | Copyright © 2014 | Código by Ipietoon | Design Marcelle Dantas |